Saiba onde consultar CPF e como isso pode te ajudar

Precisamos sempre estar por dentro do que acontece com a nossa documentação. Confira como é possível consultar CPF nas principais instituições de proteção ao crédito no país.

Saber se o nome está negativado não é uma preocupação do dia a dia, a menos que esteja em busca de crédito e não seja aprovado. Apesar disso, é importante consultar CPF regularmente e identificar problemas de forma rápida, como fraudes ou nome sujo. A pesquisa pode ser feita nos principais serviços de proteção ao crédito no país: Serasa Experian, SPC Brasil e SCPC Boa Vista.

Antes de tudo, é importante explicar o que são e para que servem esses serviços. Serasa, SPC e SCPC registram informações pessoais, constituindo um cadastro que serve para a consulta de outras empresas. Isso é utilizado como base para lojas estarem mais seguras quando venderem a prazo, por exemplo.

Além disso, instituições financeiras também usam esse cadastro para conceder empréstimos e financiamentos. Se o consumidor possui alguma pendência financeira, a consulta a essas bases informam o credor sobre a situação. Isso dificulta a liberação de crédito, pois os bancos consideram que a chance de um novo calote é grande.

 

Como consultar CPF

Cada uma dessas três empresas possibilitam ao consumidor consultar CPF em suas bases. É possível fazer pesquisas simples nos sites, e na maioria deles sem precisar pagar. A seguir, você descobre como faz para saber se possui pendências no seu nome em cada instituição.

 

Como consultar CPF na Serasa

Para começar, acesse o site da Serasa Consumidor e se cadastre. Essa ficha pede informações básicas como Nome Completo, CPF, Data de Nascimento, Nome da Mãe, entre outras. Preencha corretamente para bater de forma exata com os dados da base da empresa. Após finalizar, é necessário confirmar o cadastro pelo e-mail ou celular.

Feito isso, você preenche os dados solicitados e consegue descobrir se o seu nome está limpo ou possui alguma pendência. Caso haja alguma dívida, você saberá o nome da empresa, valor da despesa e a data de registro na Serasa. Na mesma página é possível conferir se existe alguma proposta de negociação por parte da empresa para quitar os débitos.

Tudo isso é feito de maneira rápida e gratuita. A Serasa também oferece um vídeo passo a passo, ensinando como fazer o procedimento. A empresa ainda conta com um serviço pago que monitora o CPF 24 horas por dia, o Serasa AntiFraude. No valor de R$ 99,90 por ano, pode ser interessante para prevenir possíveis fraudes com os seus dados.

 

Como consultar CPF no Boa Vista SCPC

Semelhante ao processo da Serasa, é necessário entrar no site do Boa Vista SCPC e realizar o cadastro. Ao finalizar, um código é enviado ao e-mail e deve ser utilizado para validar os dados. É bom informar que esse procedimento é gratuito.

Em seguida, basta você fazer o login e clicar em clicar no botão “Consulte Já”. Na tela seguinte aparece o seu score de crédito, em uma escala que vai de 1 a 1000. No caso, quanto mais próximo do maior valor, melhor. Também é informado se há alguma pendência com relação a dívidas atreladas ao seu nome.

 

Como consultar CPF no SPC Brasil

Diferentemente das outras duas empresas, no SPC Brasil o serviço é pago. Há um custo de R$ 9,90 por cada pesquisa de CPF. Também há a possibilidade de consultar CPF de terceiros, no valor de R$ 16,90. Para realizar essas buscas é necessário comprar créditos na loja do SPC. Comprando um pacote é possível monitorar o CPF por um período determinado.

 

Como consultar CPF na Receita Federal

Outra possibilidade gratuita de consultar CPF é através do site da Receita Federal. Basta informar o número do documento e a data de nascimento. O seu cadastro pode ter cinco status diferentes:

  • Regular: não existe pendência no cadastro.
  • Pendente de regularização: o contribuinte deixou de entregar alguma declaração de IRPF (Imposto Renda da Pessoa Física) em pelo menos um dos últimos cinco anos.
  • Suspensa: o cadastro está incorreto ou incompleto.
  • Cancelada: o CPF foi cancelado, por decisão administrativa ou judicial ou por falecimento.
  • Nula: foi constatada fraude na inscrição e o CPF foi anulado.

 

Porque devo consultar CPF?

Primeiramente, isso fará com que se conheça a existência de débitos atrelados ao CPF. Isso permite agir com rapidez, negociar dívidas e evitar que elas cresçam. As propostas de negociação e pagamentos podem ser feitos pela internet.

O número do CPF pode ser usado para aplicar fraudes, como contratar serviços e fazer pagamentos sem fundo com dados alheios. Ao consultar, o usuário minimiza os danos desses golpes, antecipando a ação no caso de alguma tentativa de trapaça.

Por fim, consulte para saber qual é o seu score de crédito, um cálculo que ajuda empresas a definirem o risco de inadimplência dos clientes. Você não será pego de surpresa quando precisar de um empréstimo e se deparar com condições desfavoráveis. Um score baixo, significa que a pessoa atrasou pagamentos, esteve com o nome sujo, dentre outros problemas. Isso aumenta esse risco de inadimplência e faz com que as instituições ofereçam juros mais altos.

 

Dicas extras:

Se você consultou o seu CPF e descobriu que está negativado, não deixe de ler este texto que explica como limpar nome sujo.

Agora, se você precisa de dinheiro para quitar dívidas e melhorar o  seu score, veja neste texto como escolher o melhor empréstimo.

Relacionados

9 dicas para fazer um empréstimo online seguro O mercado de empréstimos online está crescendo a cada dia, mas ainda gera muita insegurança. A internet ainda causa hesitação na hora de colocar o din...
Juros, taxas e prazos: saiba como calcular emprést... Na hora de solicitar um empréstimo, poucas pessoas olham com atenção para as condições oferecidas pelos bancos. Muitas vezes, deixam de notar que na o...
Como negociar dívidas e sair da inadimplência Desde janeiro de 2010, quando a Peic começou a ser realizada, mais da metade das famílias permanecem endividadas. Segundo o relatório, mais de 1,5 mil...
Como funciona o empréstimo com garantia Creditas A Creditas se consolidou como uma das startups mais promissoras do Brasil. Criada em 2012, nasceu com o intuito de enfrentar um dos maiores problemas ...

Postado por Revista Creditas

Portal de conteúdo especializado em educação financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *