Itaú Empresas: conheça os produtos de crédito para empresários

O Itaú Empresas oferece crédito para expandir, modernizar e ajudar a equilibrar as contas do seu negócio. É indicado para quem precisa pagar tributos e salários ou investir em equipamentos e na estrutura física da empresa. Conheça vantagens e desvantagens dessa linha de crédito e como funciona.

Para abrir uma empresa, um dos primeiros passos é criar uma conta-corrente em algum banco. Além disso, algumas instituições financeiras oferecem linhas de crédito que ajudam na estruturação do negócio. Uma delas é o Itaú Empresas, um serviço para curto ou longo prazo e com taxas acessíveis.

Para quem está interessado neste tipo de crédito, é importante conhecer bem o banco. Veja quais tipos de conta são mais adequadas à sua empresa e quais taxas cabem nos seus custos.

O recurso é indicado para todos os tipos de empreendedores, inclusive o Micro Empreendedor Individual (MEI). Com esse dinheiro, você pode modernizar a empresa, investir em máquinas e bens ou até reformar.

Mas é preciso saber quais as vantagens e desvantagens envolvidas no Itaú Empresas. Entenda também como funciona a abertura de conta e a solicitação de crédito. E o principal: confira possíveis alternativas de empréstimo para empresários.

 

Como abrir uma conta empresarial no Itaú Empresas

Antes de tudo é necessário conhecer o passo a passo para abrir uma conta de Pessoa Jurídica nesse banco.

O responsável pela empresa (sócio-administrador) deve comparecer, de preferência, à uma agência que tenha o Itaú Empresas. Se tiver dúvida, consulte o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC). É importante estar com toda a documentação do negócio em mãos.

Documentos necessários

Todos os sócios envolvidos devem apresentar os seguintes documentos:

  • Cópia simples (não precisa ser autenticada) do RG, CPF, CNH e Passaporte
  • Comprovante de residência
  • Cartão CNPJ emitido no site da Receita Federal
  • Comprovante de renda
  • Cópia simples e original do Contrato Social com a alteração mais recente

Feito isso, geralmente a conta demora alguns dias até ser aprovada.

 

Custo envolvido: Conta Certa Itaú Empresas

O Conta Certa Itaú Empresas sugere a melhor tarifa de manutenção da conta. As taxas variam e basicamente você paga por um pacote de serviços. O ideal é encontrar qual é mais adequado para sua empresa. O ideal é pensar no porte do negócio e na sazonalidade.

No total são quatro opções de pacotes por mês:

  • Conta Certa 4 – R$ 71,00
  • Conta Certa 3 – R$ 136,00
  • Conta Certa 2 – R$ 270,00
  • Conta Certa 1 – R$ 399,00

Por outro lado, cada pacote representa o valor mínimo. Serviços que não estão incluídos são cobrados normalmente. Portanto, é preciso se organizar e avaliar qual é o mais adequado financeiramente para a empresa.

Por exemplo, empresas médias se encaixam melhor na Conta Certa 1 e 2, porque inclui mais recursos. No caso do porte pequeno talvez os 136 reais sejam suficientes para suprir as necessidades.

Um dos serviços é o direito a 90 saques por mês comparado aos 30 saques oferecidos pela Conta 3, mais adequada a empresas pequenas. Qualquer nova movimentação além desses números tem uma taxa extra.

 

Como funciona o crédito para empresários no Itaú

O Itaú Empresas é focado especialmente em pequenos e médios negócios. O Micro Empreendedor Individual (MEI) tem espaço também para crescer no mercado. Lanchonetes, salões de beleza e prestadores de serviço, como taxistas e fotógrafos, estão inclusos.

Pode ser acessado pela internet, por meio do app “Itaú Empresas”. É facilmente encontrado no sistema Android e IOS.

Os juros envolvidos nesse tipo de empréstimo é de 3,99% e TAC (Tarifa de Abertura de Crédito) equivalente a 3% do valor contratado. Mas o crédito é pensado para curto e longo prazo, de acordo com a necessidade e objetivo da empresa.

Segundo o Banco Central, o Banco Itaú tem as seguintes taxas de juros mensais, de 30 de outubro a 6 de novembro de 2017:

  • Cheque especial: 13,48% 
  • Desconto de cheques: 2,84%
  • Desconto de duplicatas: 1,68%
  • Capital de Giro com 365 dias: 1,70%

Curto prazo

Se a empresa precisa do dinheiro para medidas imediatas é necessário conhecer todas as possibilidades. O empréstimo serve para aumentar o Capital de Gro, recebendo de uma só vez o dinheiro, com juros do período. O pagamento da dívida pode ser parcelado. Porém, a empresa fica sujeita à aprovação de crédito do banco.

No caso do Capital de Giro pré-fixado as parcelas podem ser iguais ou flexíveis e os juros previamente definidos. No pós-fixado a taxa de juros varia de acordo com o CDI e as parcelas continuam flexíveis. Em ambos, o vencimento e o valor principal de cada parcela é definido pela necessidade da empresa.

O empresário também pode antecipar valores para equilibrar o fluxo de caixa. É uma operação útil quando é preciso cobrir despesas inesperadas ou pagar tributos e salários. O banco pode pagar por meio de cheques pré-datados, boletos, cartão de crédito e duplicatas.

Cheque especial (LIS) é uma opção para cobrir gastos do dia a dia. É um limite de crédito que fica disponível na conta para usar quando precisar. A contratação pode ser feita pela internet de forma prática.

Longo prazo

Também há boas opções para quem foca em investimentos maiores e mais demorados.

Uma delas é o financiamento de veículos leves e pesados, máquinas e equipamentos, o CDC (Crédito Direto ao Cliente). As taxas são competitivas e o prazo definido de acordo com a empresa. Depois de escolhido o bem requerido, o banco paga o fornecedor à vista. O valor mínimo é de R$5 mil e o pagamento é por débito automático. 

O crédito imobiliário é próprio para expandir empreendimentos residenciais e comerciais. O Plano Empresário foca nas incorporadoras que pretendem adquirir crédito para construir no terreno. O Plano Piloto visa as empresas que buscam financiar os compradores de um terreno já construído ou término de obra.

Agroindústrias, cooperativas agropecuárias e produtores rurais devem procurar pelo crédito rural. Oferece soluções de financiamento para expandir ainda mais o negócio. Bom para comercialização e estocagem, custeio, investimento e crédito a cooperativas.

O Itaú repassa recursos do BNDES e garante um acesso seguro. O produto é focado em  empresas correntistas com faturamento anualizado superior à R$1,2 milhões. É bom para adquirir máquinas, veículos pesados, equipamentos de informática e aeronaves.

 

Vantagens e desvantagens

Contrair um empréstimo pode ser benéfico ou não, dependendo da modalidade. Por isso, é importante conhecer o lado vantajoso e os possíveis problemas encontrados nessa linha de crédito.

Vantagens

Uma das vantagens é a taxa de juros fixa. Quando a empresa está indo bem e apresenta equilíbrio financeiro é indicado. Dessa forma, ela paga apenas o valor contratado mais os juros. Além de ser mais fácil de se organizar quando a parcela não muda.

Outro ponto positivo é a possibilidade de modernizar, construir e expandir o negócio. Além disso, há oportunidades para pequenos empreendimentos e profissionais informais.

Desvantagens

O problema de contratar o crédito empresarial é contrair cada vez mais dívidas. Há maior risco de não conseguir pagar as contas e somar outros empréstimos.

Por isso, é importante ter um bom controle da receita mensal. O planejamento financeiro é fundamental para não prejudicar a empresa e inclusive ir à falência.

Nem sempre as taxas de juros são as melhores e podem chegar 

 

Alternativas

Nem sempre o empréstimo para Pessoa Jurídica do Itaú Empresas é o melhor. Por isso, é bom avaliar outras possibilidades de linha de crédito mais vantajosas.

O ideal é escolher o banco ou financeira de acordo com o objetivo e o montante necessário. Faça análise das instituições e das linhas de crédito oferecidas. Taxas, limites e prazos também influenciam no valor final da parcela.

Devido a menores taxas, o Banco Bradesco ou Banco do Brasil oferecem melhores condições:

No crédito para Capital de Giro, por exemplo, o Banco do Brasil oferece a taxa de 1,45% ao mês frente a 1,88% do Itaú.

Além disso, algumas fintechs oferecem parcelas vantajosas. Para realizar empréstimo com garantia para empresários, a Creditas tem juros abaixo de 3% ao mês. Você pode abrir sua empresa ou investir ainda mais no seu negócio. Basta ter um veículo ou imóvel quitado.

Faça uma simulação de empréstimo com garantia aqui

Relacionados

Saiba como renegociar seu empréstimo consignado Em muitos casos é comum adquirir um crédito consignado para quitar as dívidas, comprar um veículo, arrumar a casa ou investir nos estudos. Isso porque...
Empréstimo: como escolher a melhor opção Existem muitos tipos de empréstimo e escolher o melhor não costuma ser uma tarefa simples. Cada um atende às necessidades diferentes e, em razão disso...
Todas as razões para dizer sim ao empréstimo para ... Fazer uma festa de casamento ainda é o grande sonho de muitos casais, mas muitos adiam o grande dia por questões financeiras. O que fazer quando sobra...
Como fazer um empréstimo online rápido e seguro O mercado de empréstimos online vem crescendo no Brasil. É natural, já que muitas empresas estão surgindo e tantas outras se consolidando como referên...

Postado por Revista Creditas

Portal de conteúdo especializado em educação financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *