O que acontece se não pagar IPVA ou atrasar?

Publicado em Atualizado em: 12/04/2019
IPVA: o que acontece se atrasar o pagamento

Logo no início do ano temos que cumprir com muitos compromissos financeiros, principalmente impostos. Por isso, muitas pessoas se perdem na data ou nas finanças e a opção é não pagar IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) ou atrasar.

Porém, a inadimplência envolve uma série de riscos e transtornos, tanto financeiros quanto jurídicos. Além de poder ter o carro apreendido, o motorista pode encarar multas e burocracias.

Muitas vezes, vale a pena fazer um planejamento financeiro e priorizar essa conta. Mas, mesmo economizando bastante, nem sempre é possível ter dinheiro suficiente. Por isso, existem alternativas para conseguir capital e quitar essa dívida com tranquilidade.

Receba nossos conteúdos exclusivos

Quais os riscos de não pagar IPVA?

A inadimplência desse imposto implica em uma série de consequências. A primeira é que você não conseguirá fazer o licenciamento do seu veículo, processo responsável por validar a documentação do automóvel. Sem estar devidamente licenciado, o carro pode ser apreendido.

Além disso, o cenário pode ficar ainda pior. Em caso IPVA atrasado, poderá receber um comunicado pelo correio com o prazo para acertar a pendência. Caso não pague mesmo assim, seu nome pode ser encaminhado para a lista de maus pagadores dos órgãos de proteção ao crédito, para como Serasa, SPC ou SCPC.

E se o carro for apreendido pela polícia?

Nesse caso, você terá que pagar, além do IPVA, os juros e a multa referente aos dias que seu carro ficou parado no pátio do Detran. Lembre-se que para retirar o veículo do pátio o processo é moroso e burocrático, pois você terá que pagar um boleto diretamente no banco, além de validar algumas documentações no Poupa Tempo. Se você não conseguir pagar a dívida, seu carro irá para leilão.

Como funciona a multa cobrada pelo atraso do IPVA

A cada dia que você fica sem pagar o IPVA, é aplicada uma multa de 0,3%, no caso do estado de São Paulo. Essa porcentagem vai aumentado todos os dias. Quando chegar a 60 dias de atraso, o valor da multa estará em 18%, a partir dai ela não sobe mais. É importante lembrar que além dessa multa, ainda existem os juros que são baseados na taxa Selic.

Os valores da multa variam de acordo com cada estado. Consulte o site Detran do seu estado para verificar os valores.

Alternativa para conseguir pagar

Em vez de não pagar IPVA, uma opção viável é contratar crédito. Existem linhas de empréstimo baratas e apropriadas para conseguir quantias altas, com vários meses para quitar.

Você pode inclusive conseguir dinheiro sem precisar vender o carro e ainda usá-lo para ter acesso a taxas mais justas. O empréstimo com garantia é a modalidade com menores juros do mercado e prazos bem extensos.

Para a empresa oferecer condições de pagamento atrativas você assegura o pagamento com um bem, nesse caso seu próprio veículo. Para isso, o automóvel fica atrelado à instituição como garantia até quitar tudo, mas você continua usando normalmente. Esse processo é chamado de alienação fiduciária.

Nesse caso, o bem de quem solicita deve estar quitado e no próprio nome, mas pode ser usado por terceiros, como um parente ou amigo.

A Creditas é uma fintech, instituição baseada em tecnologia e finanças, que concede empréstimo com garantia de veículo para carros com até 15 anos de uso. A taxa mínima é de apenas 1,75% ao mês e você pode contratar no mínimo R$ 3500  e no máximo 90% do valor do bem. Além disso, tem até 60 meses para pagar.

Por outro lado também pode alienar um imóvel próprio. Consegue até 60% do valor avaliado, com uma taxa mínima de 1,49%. O tempo para pagar tudo é ainda maior, de até 240 meses.

Principais dúvidas sobre IPVA

Abaixo, listamos as dúvidas frequentes sobre o IPVA, veja se você se identifica com alguma delas:

 

Tags:
SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Postado por Revista Creditas

Portal de conteúdo especializado em educação financeira.

17 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. Danielw gomes disse: às 02:14

    Boa noite!
    Consigo pagar meu ipva de 2016 atrasado, sem ter que pagar o de 2017 junto.
    So consigo pagar o de 2017 no meio do ano.
    Aguardo
    Daniele gomes

  2. Viviane disse: às 21:42

    Boa noite, eu esqueci da data de vencimento da ultima parcela do ipva, o que acontece?

    • Revista Creditas disse: às 15:59

      Oi, Viviane
      O não pagamento do IPVA implica em uma série de consequências. Primeiramente, você não conseguirá fazer o licenciamento do seu veículo e corre o risco de ter o carro apreendido. Além disso, se você não regularizar a situação no prazo estabelecido, o seu CPF pode entrar no cadastro da Dívida Ativa. Temos um texto que explica o que é isso e como você pode regularizar. Acesse aqui
      Esperamos ter respondido a sua dúvida : )
      Abraço

  3. Mateus Ferraz disse: às 09:05

    Ow, o meu licenciamento é no mês 9, já entendi que não consigo licenciar sem pagar o ipva, mas o ipva é obrigatório pagar no começo do ano?/Vencimento(20/02/2018)

    • Revista Creditas disse: às 14:28

      Oi, Matheus
      Você pode pagar depois do vencimento, mas terá que arcar com juros e multas. Isso vai aumentar consideravelmente o valor a pagar, principalmente se o seu CPF entrar no cadastro da Dívida Ativa.
      Além disso, se seu carro for apreendido pela polícia, você terá que pagar o valor das diárias em que o veículo ficou estacionado no pátio do Detran.
      Se tiver condições financeiras, tente pagar até a data de vencimento. Caso contrário, procure uma alternativa com juros baixos.
      Abraço!

  4. Otto disse: às 08:16

    Bom dia!
    Não paguei o IPVA, porém meu licenciamento está válido até Agosto. Até lá, por estar com o IPVA atrasado, e em caso de ser parado pela Polícia, eu posso receber multa e/ou ter o carro apreendido?

    • Revista Creditas disse: às 15:21

      Otto,
      Se você for parado pela polícia e estiver com o IPVA atrasado poderá receber um comunicado para colocar o tributo em dia. O valor da dívida será corrido por multas juros. Entretanto, o fiscal de trânsito não pode apreender o veículo. Isso só pode ocorrer, caso o licenciamento não esteja em dia.
      Abraço

  5. Valdineia disse: às 11:43

    Olá. ..meu vence amanhã ..So que terei sábado o dinheiro. ..mas lá fala pra não receber …Como faço tenho que ir no Detran pegar segunda via. ..

    • Revista Creditas disse: às 15:10

      Oi, Valdineia
      Depende do Estado em que você se encontra. Algumas Secretarias disponibilizam a emissão da segunda via no próprio site. Em outros casos é necessário comparecer a uma unidade do Detran ou postos licenciados (ex: Poupatempo).

  6. Daniel Batista da Silva disse: às 19:51

    paguei duas parcelas do ipva a ultima vence dia dezesseis agora si eu pagar dia vinte a lotérica recebe e qual o valor dos juro ?

    • Revista Creditas disse: às 11:57

      Oi, Daniel
      O valor da multa varia de acordo com o Estado. Em São Paulo, por exemplo, é cobrado um acréscimos de 0,33% por dia de atraso (até o limite de 20%) e juros mensais equivalentes à taxa Selic ou 1%, o que for maior.
      Onde você mora? Podemos te ajudar a encontrar o valor correto
      Abraço

  7. ricardo betini disse: às 21:39

    BOA NOITE!

    Gostaria de saber se posso pagar o IPVA integral ate o seu licenciamento sem correr risco de ser multado ou meu nome ir par divida ativa.

    • Revista Creditas disse: às 15:26

      Ricardo,
      Se atrasar o IPVA, você terá que pagar juros e multas. Além disso, corre o risco de que seu CPF entre para o cadastro da Dívida Ativa.
      O cenário pode ficar ainda mais complicado se você não regularizar a situação até o próximo licenciamento. Nesse caso, o seu carro pode ser apreendido e para evitar que seja leiloado terá que quitar o valor integral da dívida. Lembrando que também terá que pagar as diárias em que o veículo ficou estacionado no pátio do Detran.
      Portanto, evite atrasar o pagamento do tributo

  8. José Barbosa disse: às 14:44

    Ótima matéria parabéns!
    Agora, o cara da foto ainda vai levar multa por dirigir sem cinto de segurança!! rsrs

    • Revista Creditas disse: às 21:20

      Bem observado, José! rs ?
      Mas que bom que gostou do texto! Não deixe de se inscrever para receber por e-mail as atualizações
      Abs!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de
Restituição do Imposto de Renda: vale a pena antecipar?

Crédito e empréstimo

Restituição do Imposto de Renda: vale a pena antecipar?

Bancos cobram juros e encargos pela operação - que é uma modalidade de empréstimo. Veja quando resgatá-la pode ser útil

Imposto de Renda: saiba como declarar carros e indenizações

Economia

Imposto de Renda: saiba como declarar carros e indenizações

Se você comprou, vendeu ou recebeu indenização no ano passado, fique atento: essas informações devem constar na declaração do IR 2019

Dúvida na declaração do Imposto de Renda? Veja postos de atendimento

Finanças

Dúvida na declaração do Imposto de Renda? Veja postos de atendimento

Em parceria com a Receita Federal, 191 instuituições ajudam a população a declarar o IR. Confira postos em SP, RJ, MG e GO

Guia para declarar o empréstimo no Imposto de Renda 2019

Empréstimo Pessoal

Guia para declarar o empréstimo no Imposto de Renda 2019

Saiba como enviar as informações a Receita Federal, quais as diferenças entre as modalidades de crédito e como evitar a malha fina

Veja mais
Navegue por temas