Empréstimo Consignado: entenda e faça uma simulação

O empréstimo consignado é destinado a pessoas com uma renda garantida no fim do mês. Servidores públicos, beneficiários do INSS e trabalhadores do setor privado podem conseguir essa linha de crédito. Saiba como funciona essa categoria de empréstimo.

Empréstimo consignado

O empréstimo consignado é bastante conhecido entre funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS. Porém, pouca gente sabe que essa linha de crédito também pode ser oferecida à funcionários do setor privado, desde que a empresa faça um convênio com um banco.

As condições do empréstimo variam para cada um desses perfis, mas um ponto é comum para todos. Trata-se de uma das linhas de crédito mais atrativas. Além de oferecer taxas de juros entre as menores do mercado, possibilita bons prazos de pagamento.

A comodidade é outro fator que contribuiu para a sua popularidade. Segundo o Banco Central, o consignado movimentou R$ 14 bilhões no primeiro semestre de 2017. As parcelas descontadas no holerite, fazem com que o cliente não precise se preocupar com o débito.

 

Como funciona o empréstimo consignado

Existem três tipos de empréstimo consignado: público, privado e para beneficiários do INSS. O primeiro engloba funcionários públicos, o segundo diz respeito a funcionários de empresas privadas e o último beneficia aposentados e pensionistas do INSS. Em todos os casos, o débito é descontado diretamente na folha de pagamento.

Esse tipo de empréstimo possui taxas baixas, pois utiliza o rendimento salarial como garantia da operação. Quando um crédito possui uma garantia, a instituição entende que o risco de inadimplência é menor. Por isso, oferece melhores condições de pagamento.

No entanto, existe uma diferença na categoria do consignado privado. Para que um funcionário consiga essa linha de crédito, é necessário que sua empresa seja conveniada com algum banco. Geralmente, apenas grandes empresas possuem essas parcerias. Se existir, basta pedir ao RH a sua margem consignável e se dirigir à instituição financeira com esse documento.

A documentação para contratar é simples. São necessários RG, CPF, comprovante de residência atualizado e o comprovante de renda mais recente. No caso da categoria privada, também é necessário ir ao banco com a margem consignável validada pela empresa.

 

Vantagens do empréstimo consignado

Essa modalidade possui diversos benefícios, sendo o principal a baixa taxa de juros oferecida. Além disso, é um empréstimo fácil de contratar e com bastante comodidade para o consumidor. Por ser descontado diretamente em folha, não é preciso se preocupar com atrasos no pagamento.

Algumas instituições também podem liberar o crédito mesmo para pessoas com o nome sujo. Também é possível se organizar, pois as taxas são prefixadas, portanto, são definidas no ato da contratação e não mudam.

 

Considerações antes de fazer um crédito consignado

De preferência, faça uma análise da sua situação financeira antes de contratar um empréstimo consignado. Verifique qual é o valor máximo que é possível pagar na parcela. Relembrando que o limite para comprometer é 35% da renda mensal, sendo 5% obrigatoriamente destinados ao cartão de crédito. Como o dinheiro é descontado diretamente na folha de pagamento, deve-se ter em mente que o mês já começa com parte da renda comprometida.

Há também o risco de perder o emprego, no caso da categoria privada, e precisar quitar o empréstimo de uma só vez. Caso isso aconteça, o crédito deve ser migrado para a categoria pessoal, já que não há mais a garantia da folha de pagamento.

>> LEIA MAIS: Peguei crédito consignado e fui demitido, e agora?

Pode ser interessante usar alguma garantia mais sólida para conseguir um empréstimo com juros ainda mais baixos. Por exemplo, o empréstimos com garantia de imóvel ou automóvel.

CONHEÇA O EMPRÉSTIMO COM GARANTIA

 

[Extra] Como simular um crédito consignado

É muito importante simular as opções de empréstimo consignado. Com a calculadora abaixo, é possível descobrir a parcela que será paga na operação. Só é preciso saber a quantia que será solicitada, o número de meses para pagar e as taxas de juros.

Contudo, a parcela efetiva deverá ser maior, já que o banco deve incluir alguns encargos. Custos operacionais geralmente já estão inclusos na taxa de juros da instituição.

Importante destacar que pela regra do consignado, o limite do empréstimo não pode ultrapassar 35% da receita mensal. Sendo que 30% podem ser descontados da renda e 5% do cartão de crédito consignado.

O Banco Central disponibiliza as taxas médias de juros do consignado para todos os bancos que oferecem. As taxas reais podem variar de acordo com o perfil, bem como, a relação do cliente com a instituição.

Consulte nos links abaixo:

Crédito pessoal consignado INSS (aposentados e pensionistas do INSS)

Crédito pessoal consignado privado (trabalhadores com carteira assinada)

Crédito pessoal consignado público (servidores públicos).

Outra opção é calcular o empréstimo a partir da sua renda. É possível envolver até 35% da renda mensal em um empréstimo consignado, com 5% exclusivos ao uso do cartão de crédito consignado. Então, suponhamos que os rendimentos sejam de R$ 3 mil, os 30% passíveis de comprometer com o crédito, representam R$ 900,00.

Com o valor da renda mensal em mãos, basta saber a taxa de juros da instituição e o prazo necessário para quitar a dívida. Coloque todos esses dados na calculadora abaixo e descubra qual é o máximo possível para solicitar em um empréstimo consignado.

SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Postado por Revista Creditas

Portal de conteúdo especializado em educação financeira.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de

13 sinais de que está na hora de fazer empréstimo

Empréstimos e Financiamentos

13 sinais de que está na hora de fazer empréstimo

Precisa de dinheiro, mas não sabe se deve fazer um empréstimo? Leia este texto e veja em quais situações é válido recorrer a este recurso.

Método para não pagar mais contas em atraso

Planejamento Financeiro

Método para não pagar mais contas em atraso

Chega de pagar multas e juros à toa! Confira estas dicas simples e práticas que vão resolver os pequenos problemas da sua vida financeira.

Como quitar dívidas e conquistar independência financeira

Quitar Dívidas

Como quitar dívidas e conquistar independência financeira

Quitar dívidas é um dos maiores desafios de muitas pessoas. Para isso, é fundamental calcular todos os débitos e se organizar. A partir disso, é possí ...

Compensa fazer um Crédito Consignado?

Empréstimo Consignado

Compensa fazer um Crédito Consignado?

Antes de contratar, entenda como funciona o empréstimo que desconta as parcelas direto da sua folha de pagamento.

Procura uma solução para reformar ou construir a casa dos sonhos?

O Creditas Reforma é uma solução para financiar todos os custos da sua reforma ou construção, desde o projeto arquitetônico, material de construção, até o móvel planejado e os detalhes da decoração.

Mais vistos