Revista Creditas - Conteúdo e Informação sobre Finanças

Como o banco digital transforma o mercado financeiro

Banco digital

Nos últimos anos, o mercado financeiro brasileiro vem passando por algumas transformações. O século XXI pediu serviços mais rápidos, seguros e personalizados e surgiu, então, o conceito de banco digital. 

Com a necessidade de cortar custos e investir em tecnologia, muitos bancos tradicionais estão fechando agências físicas e incentivando o uso da internet para melhorar seus serviços financeiros. O foco é oferecer os mesmos produtos de um banco tradicional, porém com menos burocracias.

O que é banco digital

Como o próprio nome diz, banco digital é uma instituição financeira que concede a maior parte de seus produtos e serviços de forma online.

Nessa instituição, você pode acessar sua conta pelo computador ou por um aplicativo no celular. Assim, consegue ver seu extrato bancário e realizar transações financeiras a qualquer momento do dia. Isso é chamado de Internet Banking.

Além disso, consegue abrir uma conta, enviar documentos, dados e até resolver problemas com o banco pelo meio digital.

Isso é extremamente econômico uma vez que não é necessário se deslocar até uma agência física, nem usar o telefone, na maioria das vezes.

Fintech X Banco digital

Embora bancos digitais estejam mudando aos poucos o modo de oferecer serviços financeiros, a transformação é lenta e continuam com uma estrutura enrijecida.

Por outro lado, as fintechs investem pesadamente em tecnologia para tornar os processos financeiras mais eficientes. São antes de tudo consideradas startups, ou seja, instituições jovens que buscam desenvolver um novo modelo de negócio. Visam um crescimento rápido a partir de investimentos de grandes empresas.

Muitas vezes, os bancos fazem parcerias com as fintechs para aproveitar esse desenvolvimento tecnológico para melhorar seus serviços. Por outro lado, as startups conseguem usufruir da base de clientes das instituições tradicionais e têm a oportunidade de validar e dar consistência à marca.

Como funciona

Primeiro, é preciso esclarecer que você não precisa pagar por um pacote de serviços. É possível escolher uma cesta com serviços essenciais gratuitos, como saque na agência ou no caixa automático e folha de cheque. Ou seja, se você não usar nada além disso, não será cobrado.

Existe, ainda, a opção de conta digital. Aqui você também não tem custos desde que só use os produtos pelo meio eletrônico. Isso porque os bancos não são obrigados a oferecer um pacote online e podem impor tarifas se você fizer qualquer ação fora do básico.

Como abrir uma conta digital

Quer entrar em contato ou abrir uma conta em um banco digital? Confira os detalhes.

Ficha de dados: para abrir uma conta você deve preencher uma ficha com alguns dados básicos e criar um cadastro no Internet Banking ou no aplicativo do banco. Em seguida, serão solicitados alguns documentos (comprovante de residência, RG, etc.), que podem ser enviados por meio de fotos.

Análise de crédito: nessa etapa a empresa avalia sua situação financeira para estipular um limite de crédito e determinar tarifas, taxa de juros, etc. Depois de aprovado, pode usar a conta normalmente uma vez que a instituição liberar.

Troca de e-mails e mensagens: ao longo do processo você poderá entrar em contato com a empresa por meio de e-mails e eventualmente até por mensagens instantâneas. Esse meio serve para te atualizar sobre eventuais mudanças e novidades (principalmente quando você está esperando um cartão de crédito chegar, por exemplo).

Bancos digitais são seguros?

Essas instituições são regulamentadas pelo Banco Central para garantir sua segurança e para evitar qualquer tipo de problema com os serviços online. Além disso, essas empresas investem cada vez mais em tecnologia para evitar qualquer tipo de problema.

Mas, antes de fechar negócio com qualquer banco ou fintech, pesquise bastante. Confirme algumas informações básicas, como a existência do CNPJ e da Razão Social no site da Receita Federal. Além disso, você pode ver a opinião de outros clientes nas redes sociais, no Reclame Aqui e no Procon.  

>> Saiba como fazer um empréstimo online seguro

Principais bancos digitais do Brasil

Hoje, os bancos digitais se dividem entre instituições tradicionais que disponibilizam serviços online e fintechs que já surgiram assim. O número de visitas mensais nos sites só cresce a cada ano. Um levantamento da Febraban mostrou que só em 2017 mais de 3 milhões de pessoas físicas e jurídicas tinham contas abertas por meio eletrônico.

Mas, algumas empresas em especial se destacam no cenário brasileiro. Confira a lista com os 7 maiores do Brasil.

Ainda tem alguma dúvida sobre banco digital? Quer contar alguma experiência para a gente? Você pode escrever nos comentários abaixo!

Continue acompanhando outros conteúdos da Revista Creditas para ficar craque em finanças!

 

SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Postado por Revista Creditas

Portal de conteúdo especializado em educação financeira.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de

Cooperativa de crédito: conheça vantagens e riscos

Empréstimos e Financiamentos

Cooperativa de crédito: conheça vantagens e riscos

Nesse modelo de negócio, você é cliente e dono ao mesmo tempo. Confira!

Saiba tudo sobre os comparadores de empréstimo

Empréstimos e Financiamentos

Saiba tudo sobre os comparadores de empréstimo

Conheça as plataformas que comparam as condições de inúmeras linhas de crédito e instituições

Compare: onde e como fazer financiamento de material de construção

Empréstimos e Financiamentos

Compare: onde e como fazer financiamento de material de construção

Essa é uma opção vantajosa para quem quer reformar, mas não tem dinheiro à vista

6 formas seguras de conseguir dinheiro emprestado

Empréstimos e Financiamentos

6 formas seguras de conseguir dinheiro emprestado

Esse recurso pode ser útil em uma situação emergencial, para pagar um produto à vista e até iniciar projetos pessoais.

O que é Alienação Fiduciária?

Vale a pena entender como funciona porque a alienação fiduciária permite ter acesso a taxas de juros muito baixas.

 

Mais vistos