Revolucionando o empréstimo no Brasil
Creditas
Creditas
Projetos

Brasil e exterior: 10 destinos mais baratos para viajar em outubro

Plataforma de e-commerce de viagens Booking.com listou cinco cidades no Brasil e no exterior que oferecem o melhor custo-benefício para quem deseja viajar no período. Confira os destinos

Escrito por Flávia Marques em 02.10.2019 | Atualizado em 07.10.2019

  • 0 Likes

Faltam menos de três meses para 2019 terminar, mas muitos já não aguentam esperar as férias de fim de ano para fazer uma viagem e tirar o tão merecido descanso. Enquanto o período de festividades não chega, aproveitar um fim de semana para escapar da rotina pode ser a saída ideal. Para o consumidor que não planejou o passeio com antecedência, pesquisar destinos mais baratos para viajar é uma alternativa para se divertir nesse período sem comprometer o orçamento. 

Mesmo assim, a decisão exige cuidados. Na avaliação da especialista em planejamento financeiro Vivian Sant’Anna, encontrar preços acessíveis não deve ser o única questão levada em conta na hora de fechar uma viagem. 

“O primeiro passo é saber qual é o orçamento disponível para essa programação e conhecer o real desejo do consumidor e da família, se for o caso”, orienta. “Viajar para um lugar completamente diferente do que você sonha só porque os preços estão atrativos não é uma economia, como muitos pensam”, acrescenta Vivian. 

[hubspotemdeb title="Assine a Newsletter Creditas!" subtitle="Receba conteúdos exclusivos dos nossos especialistas em finanças"]

Como viajar gastando menos? 

É perfeitamente possível que pessoas partam do mesmo lugar para o mesmo destino e gastem quantias totalmente diferentes em uma viagem. Para os que conseguem abrir mão de alguns serviços, por exemplo, o passeio pode sair bem mais barato. 

“Algumas pessoas sonham em conhecer determinados lugares e acreditam que não têm condições para isso; mas, na verdade, poderiam viajar se estivessem dispostas a economizar nas refeições e cozinhar no hotel, por exemplo”, comenta Vivian Sant’Anna. 

A recomendação da especialista é que o consumidor entenda o seu perfil e o de sua família para planejar o orçamento de forma mais adequada e entender os reais custos envolvidos na viagem. 

Leia mais: 5 dicas para comprar passagens e economizar dinheiro para viajar 

Fique atento: quais são os meses mais caros e os mais baratos para viajar? 

De modo geral, os meses de férias escolares, como julho e dezembro, são os mais caros para se viajar. “Esse período é considerado de alta temporada tanto no Brasil, por conta das férias, quanto em países do hemisfério Norte, onde é verão e mais pessoas buscam esses destinos”, orienta Vivian. Nessa época, além dos preços altos, o turista pode encontrar lugares mais cheios e, em alguns casos, enfrentar dificuldades de locomoção no seu destino. 

A boa notícia é que o mês de outubro é considerado parte do período de baixa temporada, quando os valores ficam mais acessíveis. “Abril, maio e início de novembro também são épocas interessantes para quem quer viajar e não abre mão de encontrar preços baixos e lugares mais tranquilos”, recomenda a especialista. 

Hospedagem: como saber qual é a melhor opção? 

Durante uma viagem, a escolha da acomodação é uma das questões que mais merecem a atenção do consumidor. Isso porque, muitas vezes, duas opções que têm preços semelhantes não são igualmente vantajosas - e o barato pode sair muito mais caro. 

Vivian defende que a localização é um ponto mais importante do que muitos imaginam. “Em alguns casos, as pessoas optam por ficar em locais mais afastados do centro ou em cidades vizinhas porque o hotel é mais barato, mas acaba gastando mais com locomoção, seja via transporte público ou com gasolina”, explica a especialista em planejamento financeiro. “Aí, a escolha acaba saindo mais cara”, acrescenta. 

Outro ponto importante é a disponibilidade de refeições. Algumas acomodações têm diárias mais caras, mas que incluem café da manhã ou almoço. Avalie se a diferença de preços é interessante e se a opção de fazer a refeição no hotel pode compensar. 

Destinos mais baratos para viajar, no Brasil e no mundo

Para aqueles que desejam viajar e pretendem começar a pesquisa pelos destinos mais baratos, a empresa de e-commerce de viagens Booking.com listou cinco cidades no Brasil e no exterior que oferecem o melhor custo-benefício no mês de outubro, com base na variação de preços observada nos últimos anos A análise considerou reservas completas de acomodações de três e quatro estrelas. 

5 destinos mais baratos para viajar no Brasil 

Para os que estão com o tempo apertado, os destinos nacionais podem ser as melhores escolhas para relaxar em outubro. Confira as cidades que ficam mais baratas neste mês:

1 - Campos do Jordão (São Paulo) 

[caption id="attachment_5066" align="alignnone" width="640"]campos do jordao foto de campos do jordao[/caption]

Localizada no interior do estado de São Paulo, na Serra da Mantiqueira, Campos do Jordão é uma cidade conhecida por proporcionar aos visitantes muito contato com a natureza, diversidade gastronômica e opções diversas de chocolates. 

Bastante procurado por casais, o destino é considerado um dos mais românticos do país. Nos restaurantes, foundues, chocolates e vinhos estão entre as opções mais pedidas pelos turistas. 

Segundo análises da Booking.com, em outubro, a hospedagem em Campos do Jordão pode sair até 43% mais barata do que em julho, considerado o mês mais caro do ano. 

Dicas da plataforma: O centro da cidade conta com opções de hotéis que oferecem piscina coberta, banheira de hidromassagem e café da manhã de cortesia. 

Variação de preços: Para o último final de semana do mês, é possível encontrar diárias de acomodações de três e quatro estrelas a partir de 100 reais. As opções mais caras, em casas de temporada que ultrapassam os 500m², chegam a 6 600 reais por dia.  

2 - Canela (Rio Grande do Sul)

[caption id="attachment_5067" align="alignnone" width="640"]canela rio grande do sul foto de lago em canela rio grande do sul[/caption]

Situada na Serra Gaúcha, Canela tem fortes traços da colonização de imigrantes alemães e italianos. Essa influência pode ser notada na culinária local e, principalmente, na arquitetura germânica característica. Para os visitantes, a famosa Catedral de Pedra é parada obrigatória. 

Em outubro, a hospedagem em Canela chega a ficar até 27% mais acessível em comparação com o mês de julho, na alta temporada.  

Dicas da plataforma: Existem opções de pousadas a menos de 1 km da Catedral de Pedra que oferecem acomodações com Wi-Fi e estacionamento privativo gratuitos. Na região, os visitantes também ficam próximos de atrações como o Mundo a Vapor e o Castelinho. 

Variação de preços: Para o último final de semana de outubro, os turistas encontram diárias que vão de 100 reais, em apartamentos alugados por temporada, a 1 800 reais, em casas com até cinco quartos.  

3 - Gramado (Rio Grande do Sul)

[caption id="attachment_5068" align="alignnone" width="640"]gramado rio grande do sul foto de uma avenida e casas em gramado no rio grande do sul[/caption]

Também no Rio Grande do Sul, Gramado oferece atrações que vão de parques ecológicos a museus de chocolate. O burburinho fica na charmosa Rua Coberta, no centro da cidade. Em outubro, a viagem a Gramado chega a ficar 33% mais barata se comparada com os valores do mês de julho. 

Dicas da plataforma: Existem opções de pousadas a menos de 1 km da Catedral de Pedra que oferecem acomodações com Wi-Fi e estacionamento privativo gratuitos. Na região, os visitantes também ficam próximos de atrações como o Mundo a Vapor e o Castelinho. 

Variação de preços: Os turistas dispostos a se acomodarem em pontos mais distantes do Centro podem encontrar opções de hospedagem espaçosas, como casas de temporada com mais de 60m² que acomodam até quatro pessoas, por preços que partem de 120 reais por dia na quarta semana de outubro. As acomodações mais caras, em hotéis com suítes master, de capacidade para até três pessoas, chegam a 1900 reais por dia. 

4 - Joinville (Santa Catarina)

[caption id="attachment_5069" align="alignnone" width="640"]joinville santa catarina foto de casa em joinville santa catarina[/caption]

Conhecida como a Cidade das Flores, Joinville, em Santa Catarina, tem forte tradição germânica e se destaca por estar em um dos trechos mais belos do litoral sul e a poucos quilômetros de outro ponto turístico, a Ilha do Mel, situada no Paraná.

 Além da praia, o turista pode desfrutar da gastronomia alemã e italiana na região, em cafés coloniais, e também aproveitar as diversas churrascarias. Em outubro de 2018, viajar para Joinville pode sair até 31% mais barato do que em meses de alta temporada, mais disputados pelos turistas. 

Dicas da plataforma: A cidade conta com diversas opções de acomodações bem localizadas, avaliadas pelos usuários da Booking.com com nota superior a 9,0. Para os que não abrem mão de ficar próximos aos pontos turísticos mais famosos da cidade, procure hospedagens próximas ao Parque Expoville e o Monte da Boa Vista. Na região, há hotéis com quartos equipados com vista para a cidade e todas as unidades incluem mesa de trabalho, para aqueles que não podem se desconectar. 

Variação de preços: A acomodação mais buscada pelos usuários do Booking.com para o último fim de semana de outubro fica a apenas 200 metros do Centro e tem diária de 159 reais, em valor promocional, para duas pessoas. Entre as opções avaliadas em três e quatro ou quatro estrelas, o valor das acomodações parte de 90 reais por dia, em casas de temporada com dois quartos, até 240 reais, em hotéis com café da manhã incluso, a cerca de 6 km do centro da cidade. 

5 - Monte Verde 

[caption id="attachment_5070" align="alignnone" width="640"]monte verde foto de um caminho composto por uma escada e, ao redor, casinhas em monte verde[/caption]

Com clima ameno quase o ano inteiro, por conta da altitude, e as belas paisagens da Serra da Mantiqueira, Monte Verde, que fica na divisa entre Minas Gerais e São Paulo, é o destino ideal para relaxar no fim de semana. Com dois dias inteiros, é possível aproveitar o que há de melhor na cidade, descansar e saborear as delícias gastronômicas do local. 

Em outubro do ano passado, viagens à cidade ficam até 25% mais acessíveis do que em julho.  

Dicas da plataforma: No inverno, Monte Verde fica mais disputada pelos turistas, que querem aproveitar as temperaturas mais baixas e apreciar as paisagens das serras. Para aqueles que não gostam de lugares movimentados, o melhor período para visitar a cidade é entre setembro e março. 

Variação de preços: De modo geral, as acomodações em Monte Verde são mais caras do que as das demais cidades que apareceram na lista do Booking.com. Entre as opções avaliadas em três e quatro estrelas, os valores das diárias para a última semana do mês partem de 135 reais, em chalés com capacidade para duas pessoas, e chegam 945 reais, em hotéis que acomodam até dois adultos e duas crianças. 

5 destinos mais baratos para viajar no exterior

Fora do país, alguns destinos também apresentam variações de custos significativas para quem decide viajar em outubro. Veja a lista dos locais que ficam mais acessíveis no período: 

1 - Lagos (Portugal)

[caption id="attachment_5071" align="alignnone" width="640"]Lagos Portugal Foto de igreja em Lagos Portugal[/caption]

Situada ao Sul de Portugal, a 300 km de Lisboa, a cidade de Lagos atrai turistas que buscam praias paradisíacas e belas paisagens. As viagens para o destino costumam ficar mais caras em agosto, como foi observado nos anos anteriores pelo Booking.com. Em outubro, o passeio pode ficar 54% mais barato, de acordo com a plataforma. 

Moeda local: Euro 

Cotação: 4,55 reais  

2 - Puerto Iguazu (Argentina)

[caption id="attachment_5072" align="alignnone" width="640"]Puerto Iguazu foto de cachoeira em Puerto Iguazu Argentina[/caption]

Rica em belezas naturais e localizada a 18 km da área das Cataratas do Iguaçu, a cidade de Puerto Iguazu, na Argentina é parte de uma área urbana conhecida na região como Tríplice Fronteira, que também envolve Foz do Iguaçu, no Paraná, e Cidade do Leste, no Paraguai. Em outubro, as viagens para o destino ficam em torno de 26% mais baratas do que em julho, mês de alta temporada.

Moeda local: Peso argentino 

Cotação: 0,072 real

3 - San Carlos de Bariloche (Argentina) 

[caption id="attachment_5073" align="alignnone" width="640"] San Carlos de Bariloche San Carlos de Bariloche[/caption]

Situada na Província de Rio Negro, junto à Cordilheira dos Andes, San Carlos de Bariloche é uma das cidades que mais atraem turistas na Argentina. As atividades mais procuradas pelos visitantes são voltadas à prática de esqui e snowboard nas montanhas, além de passeios que proporcionam aos turistas paisagens de belos bosques. Para quem vai às compras, artigos de lã, couro e chocolates estão entre os itens encontrados em maior abundância na região. 

Em outubro, San Carlos de Bariloche é um dos destinos internacionais que mais sofrem variações de preço em hospedagens. No período, os custos com acomodações podem ficar até 60% mais baixos. 

Moeda local: Peso argentino 

Cotação: 0,072 real

4 - San Diego (Estados Unidos) 

[caption id="attachment_5074" align="alignnone" width="640"]San Diego Estados Unidos foto da cidade de San Diego nos Estados Unidos[/caption]

Por conta da alta do dólar, San Diego é a única cidade a aparecer na lista de destinos internacionais mais baratos. Tida como o berço da Califórnia, é conhecida por suas praias extensas e seu porto natural de águas profundas, além do clima agradável na maior parte do ano. Assim como na maior parte das cidades brasileiras, viajar para lá fica mais caro em julho; mas, no mês de outubro, os custos costumam cair em torno de 24%. 

Moeda local: Dólar

Cotação: 4,16 reais  

5 - Verona (Itália) 

[caption id="attachment_5075" align="alignnone" width="640"]Verona Italia Foto de Verona na Italia[/caption]

Também chamada de “cidade dos namorados”, Verona, na Itália, é um destino interessante para as viagens em casal. O destino foi cenário do clássico filme Romeu e Julieta e, por isso, tem restaurantes, hotéis e comércios diversos que levam o nome da obra. Praças e igrejas estão entre os pontos turísticos mais visitados - e fotografados - pelos turistas. 

Viajar para Verona, na Itália, em outubro pode representar uma redução de 23% no orçamento, na comparação com o mês de julho.

Moeda local: Euro 

Cotação: 4,55 reais  

Receba conteúdos exclusivos

Não perca nenhuma novidade, assine nossa newsletter.

  • 0 Likes
Flávia Marques

Escrito por Flávia Marques

Repórter do Portal Exponencial, jornalista e curiosa. Gosta de observar, absorver e, diariamente, dividir o que aprende escrevendo.
Revolucionando o empréstimo no Brasil

Quem somos

As transformações do mundo exigem cada vez mais de nós. Mais funções, mais responsabilidades, mais conhecimento. Mais, mais e mais. Mas o que Creditas e Exponencial têm a ver com isso?

Somos movidos por fazer a diferença na vida das pessoas. Se vivemos o tempo das informações ilimitadas, é nossa função criar e filtrar diferentes conteúdos aos nossos leitores, para que o conhecimento financeiro deles cresça exponencialmente.

Exponencial. Informação é fonte de crescimento.

A Creditas é uma plataforma digital que atua como correspondente bancário para facilitar o processo de contratação de empréstimos. Como correspondente bancário, seguimos as diretrizes do Banco Central do Brasil, nos termos da Resolução nº. 3.954, de 24 de fevereiro de 2011.

Creditas Soluções Financeiras Ltda. é uma sociedade limitada registrada sob o CNPJ/MF 17.770.708/0001-24, com sede na Av. Engenheiro Luís Carlos Berrini, 105, 12º andar Itaim Bibi, São Paulo – SP, 04571-010